Palavras-chave: Saiba Escolher as Melhores Para o Seu Site!

palavras-chave

Palavras-chave e a sua definição estratégica, como boa prática de SEO, é um dos procedimentos basilares do Inbound Marketing. Para melhor compreender a função e importância das palavras-chave para SEO, sugerimos vê-las como uma ponte entre as empresas e o seu público-alvo: cada empresa é criada com o intuito de responder a uma ou mais necessidades das pessoas que, por sua vez, navegam na internet na expectativa de encontrar o que procuram, utilizando para isso palavras-chave. Importa, portanto, que as palavras-chave definidas para o seu site sejam aquelas a que os utilizadores recorrem, caso contrário não haverá encontro entre si e os seus clientes.

A questão que provavelmente estará a colocar-se é: quais as melhores práticas para selecionar as palavras-chave utilizadas pelos seus potenciais clientes? Neste artigo daremos a conhecer algumas dicas para facilitar o processo de definição das palavras-chave para SEO – é mais fácil do que parece, mas exige trabalho e dedicação contínuos.

 

O que são palavras-chave para SEO?

Palavras-chave são termos de pesquisa que os utilizadores escrevem nos motores de pesquisa. Estes termos estão relacionados com tópicos sobre os quais o público em geral pretende ter informação.

Antes de mais, importa sublinhar que deve começar por saber quem são as suas personas: as suas visitas, leads e, potencialmente, os seus futuros clientes. Para saber o que procuram e quais as respostas que deve facultar, importa conhecer as suas personas, saber quais são os seus objetivos e quais os problemas que enfrentam.

Para atrair visitas ao seu site, é crucial escolher as palavras-chave para SEO a que as suas personas recorrem, percebendo se são também as mais adequadas ao seu setor de atividade.

 

Como começar a minha pesquisa de palavras-chave para SEO?

1# Para definir as palavras-chave para SEO mais adequadas para o seu site, comece simplesmente por se perguntar:

  • Aquela palavra-chave é relevante para o conteúdo do seu site?
  • Os utilizadores vão encontrar, no seu site, as respostas para as suas perguntas quando pesquisam por essa palavra-chave?
  • Que palavra-chave utiliza o seu público-alvo, as suas personas – coloque-se no lugar delas e imagine que procura as mesmas respostas!
  • O tráfego originado por essa palavra-chave traz ganhos financeiros, ou de outro nível, para a sua empresa?

Recorra a ferramentas SEO: são ajudas valiosas na hora de selecionar as palavras-chave mais adequadas! O Google Trends é uma ferramenta bastante útil para perceber quais as palavras-chave mais utilizadas, o seu volume de pesquisa e as suas tendências, tendo em conta critérios geográficos e de sazonalidade.

 

2# De seguida, experimente pesquisar em diferentes browsers por essa palavra-chave: ao inserir a sua palavra-chave no Google, ser-lhe-ão sugeridas novas versões, conforme a procura geral que existe. A ferramenta SEO Ubersuggest funciona da mesma forma: se inserir a sua palavra-chave, definir o idioma e clicar em “suggest”, terá acesso às mais diversas sugestões relacionadas com a categoria em que a sua empresa está inserida. 

Procurar as suas palavras-chave através dos motores de pesquisa permite-lhe também ter uma noção mais clara de quem são os seus concorrentes e daquilo que oferecem.

 

3# Agora que já tem algumas ideias, comece por listar todos as subcategorias da categoria em que o seu setor se insere e associe pelo menos 10 palavras-chave para SEO a cada uma delas. Se a sua categoria já é bastante específica, associe-lhe o máximo de palavras-chave possível. Lembre-se: é importante escolher palavras-chave originais e relevantes, pelo que este deve ser um trabalho feito com empenho.

 

4# Crie novas sugestões de palavras-chave a partir das listas definidas por si. Recorra à ajuda de ferramentas SEO como o Keyword Planner, útil para multiplicar a sua lista de palavras-chave para SEO a partir daquelas que já selecionou. Com o Keyword Planner também pode consultar o histórico de cada palavra-chave e analisar a sua performance atual, entre outras funcionalidades.

 

5# Falta agora selecionar as palavras-chave para SEO mais apropriadas. Cada palavra-chave da sua lista deve ser analisada segundo três critérios:

  • O seu volume de pesquisa – convém dar prioridade a palavras-chave com elevados volumes de pesquisa, para que o tráfego seja proporcionalmente elevado;
  • A dificuldade em termos de posicionamento nos motores de pesquisa – algumas palavras-chave para SEO têm um volume de pesquisa bastante elevado o que dificulta o posicionamento nas 10 primeiras posições da página de resultados. Por vezes, optar por palavras-chave com índices de procura elevados e dificuldades de posicionamento proporcionais não é a estratégia mais eficaz. Para o ajudar nestas análises, foi criada a ferramenta SEMrush – é paga, mas o detalhe de informação que disponibiliza compensa. Com o SEMrush é possível, entre outras funcionalidades, saber em que posição um determinado site (o seu ou o de um concorrente) se encontra se pesquisar por uma determinada palavra-chave; analisar o volume de pesquisa por cada palavra-chave ou ter acesso a uma lista de concorrentes por palavra-chave.
  • Intenção de compra da palavra-chave: a sua palavra-chave tem de refletir de forma precisa o seu negócio e os serviços que presta. No Inbound Marketing, pretendemos atrair visitas de forma orgânica, tendo sempre em vista a conversão destas visitas em leads e estas em clientes. Se o seu site apresenta um tráfego web bastante elevado, mas a taxa de conversão não lhe é proporcional (porque os utilizadores não encontram as respostas para as suas pesquisas), o objetivo não é cumprido.

Já ouviu falar de…

 

#Palavras-chave negativas?

Palavras-chave para SEO negativas são aquelas que se relacionam com tópicos de pesquisa que não têm interesse ver associadas ao seu negócio. Imaginemos que tem uma loja online de venda de vinho do porto: “vinho alentejano”, “vinho verde” ou “champanhe” seriam palavras-chave negativas porque não vende estes produtos.

As palavras-chave negativas servem para definir melhor as suas visitas, por forma a evitar taxas de rejeição elevadas e cliques pagos desnecessariamente.

 

#Palavras-chave de cauda longa?

As palavras-chave de cauda longa são mais específicas, normalmente compostas por três ou mais palavras. Continuemos com o exemplo anterior: um utilizador que pesquisa através da palavra-chave “vinho do porto tawny 20 anos preço” já sabe exatamente o que pretende, ou seja, está mais avançado no seu funil de compra do que aquele que utiliza a palavra-chave “vinho do porto”. 

Qual a vantagem destas palavras-chave para SEO? Os utilizadores que pesquisam através de palavras-chave de cauda longa até podem ser menos mas estão mais determinados a efetuar a compra e vão encontrar precisamente aquilo que procuram – as hipóteses de conversão tendem, portanto, a aumentar. Para além disso, é mais fácil estar bem posicionado no Google através de uma palavra-chave de cauda longa do que com uma palavra-chave curta, genérica e normalmente com níveis altos de concorrência.

 

Gostávamos de saber como tem sido a sua experiência na definição das palavras-chave para SEO – convidámo-lo a deixar um comentário com sugestões que considere importantes para todos aqueles que estão agora a trabalhar a sua estratégia de Inbound Marketing. Este blog é o espaço certo para conversarmos sobre estas questões e só faz sentido se contarmos com a sua participação.

Ficou com alguma dúvida relativamente ao processo de definição de palavras-chave para SEO? Entre em contacto com a nossa equipa: deixe um comentário, envie um email, utilize as redes sociais…estamos sempre disponíveis para esclarecer as suas questões!

Para o ajudar na sua estratégia de marketing, escolher a palavra-chave certa é essencial mas não critério único, pelo que disponibilizamos um checklist de boas práticas SEO que irá tornar o seu dia-a-dia mais fácil: a partir de agora, sabe quais os fatores a considerar e não há hipótese de esquecer algum!