Definição e Monitorização de KPIs para Pequenos Negócios!

kpis-pequenas-empresas

A grande semelhança entre todas as empresas, independentemente da sua dimensão, é a necessidade de garantir o seu sucesso. Contudo, sem definir e acompanhar os indicadores chave de desempenho (KPIs) do negócio, é um bocado difícil saber se o negócio é um sucesso ou não. Para além do mais, quanto mais cedo se definem os KPIs, maior é a sua contribuição para o sucesso do negócio.

 

1.       Selecione os mais importantes

É muito melhor acompanhar alguns KPIs significativos do que uma panóplia sem fim. Além disso, muitos KPIs são sinónimo de uma enorme confusão.

 

2.       Os KPIs devem estar em sintonia com os objetivos da empresa

Independentemente dos objetivos chave do negócio, os KPIs escolhidos devem refletir quantitativamente o caminho que falta percorrer para atingir esses objetivos.

 

3.       Dados válidos

Não faz qualquer sentido medir seja o que for, se os dados que estão a receber não são válidos. A forma de medição deve ser igual de mês para mês para que seja possível comparar os resultados entre si.

 

4.       Devem ser equilibrados a curto e a longo prazo

Medir o sucesso de um negócio só a curto ou a longo prazo é sinonimo de miopia, pois é o sucesso de curto prazo que vai contribuir para o sucesso de longo prazo, de tal forma que os KPIs devem estar em sintonia com os dois espaços temporais para ser possível determinar o se o negócio está a ter sucesso ou não em todos os seus objetivos.

 

Identificar KPIs para um negócio

O primeiro passo na identificação de KPIs para um negócio passa pela definição de objetivos. Os objetivos variam de negócio para negócio. De qualquer das formas, estes são alguns dos objetivos a curto prazo que se podem ter em conta:

  • Aumentar as vendas ou a receita
  • Diminuir o tempo de produção
  • Diminuir a rotatividade do staff
  • Melhorar o serviço ao cliente

Os KPIs do negócio serão identificados com base nos objetivos. Assim sendo, a próxima tarefa passa por identificar quais são as áreas quantificáveis do negócio que se relacionam com os objetivos escolhidos.

 

Mas afinal quais são os KPIs mais usados em pequenos negócios?

1.       O crescimento das vendas: A maioria das empresas gera lucro através das vendas, seja de produtos ou de serviços. Esta métrica permite-nos observar o ritmo de crescimento da receita. Espera-se sempre que o retorno das vendas seja positivo, contudo se for negativo deve-se avaliar a causa e equilibrar com KPIs que meçam esse decréscimo nas vendas.

2.       O desempenho do produto: Ter conhecimento do desempenho do produto é fundamental para perceber o seu sucesso. Ao analisar os fatores de sucesso de um produto podemos melhorar o sucesso dos produtos com menor fluxo de vendas e determinar a sua continuidade.

3.       O ROI: É um KPI vital! Todas as empresas fazem investimentos em projetos ou no departamento de marketing. Um bom retorno sobre o investimento pode-se refletir em aumentos na receita como resultado do uso de um determinado ativo (seja ele qual for).

 

E para o meu website também preciso de definir KPIs?

Num mundo em que a maioria das empresas tem website, saber se o website está a contribuir para o negócio é muito importante. Este conhecimento pode contribuir para a decisão de futuramente investir nos aspetos online do negócio ou não.

1.       Tráfego: Examinar o número de visitantes ao site, quer sejam novos ou reincidentes, dota-nos de informação muito importante.

2.       Geração de leads ou vendas: Este KPI em particular, pode indicar se o site está a contribuir financeiramente para o negócio de uma forma mais direta. Por exemplo, para uma loja online, um aumento do número de vendas, bem como um aumento do gasto por venda é uma boa indicação de que o site está a ter sucesso. Um site orientado para a obtenção de potenciais clientes indica-nos qual o número de leads que é capaz de gerar.

3.       Fluxo de comportamento: 

Monitorizar as páginas que são visitadas bem como as páginas que causam o abandono ao website pode ser útil para determinar se existe algum problema com o website e de que forma pode ser melhorado.

É importante definir os objetivos de um negócio bem como os seus KPIs. Começar a acompanhar o progresso do negócio é meio caminho andado para a resolução antecipada de problemas que possam eventualmente surgir.